LinkConcursos.com.br > Área de estudo > Economia > Truste – O que é, Quais suas Espécies e Objetivo

Truste – O que é, Quais suas Espécies e Objetivo

Em economia há muitos termos para designar especificidades com relação a certos mercados, estrutura de mercados, entre outros. Para o monopólio há uma situação especifica que é descrita pelo termo Truste.

O Truste nada mais é do que a fusão de várias empresas com a finalidade de monopólio e obter o controle total, ou quase, da oferta de produtos e/ou serviços.

Ainda há outra definição para o mesmo termo, que é quando uma organização empresarial possui grande poder de pressão no mercado.

Veja que o termo aplica-se no âmbito da oferta, não sendo o mesmo aplicado do lado da demanda, que também pode ocorre, mas ganha outro nome.

Essa expressão designa também empresas ou grupos com mesma orientação e sem perder a autonomia unem-se para dominar o mercado e eliminar a livre concorrência. Há também a situação em que grandes grupos ou empresas que controlam todas as etapas da produção, desde a retirada de matéria-prima da natureza até a distribuição das mercadorias.

Há ainda a situação em que um grupo econômico centraliza várias unidades produtivas. Nos trustes horizontais, reúnem-se tipos de empresas que fabricam o mesmo produto. Nos trustes verticais, uma empresa domina unidades produtivas responsáveis por várias etapas da produção. Por exemplo, minas de ferro e carvão, empresas siderúrgicas e fábricas de locomotivas.

A expressão é adaptação da expressão em inglês trust, que significa “confiança”. Outra forma de organização de empresas é o cartel, que é um acordo de várias empresas independentes para controlar ou dominar o mercado de determinado produto.

Trustes verticais
Aqueles que visam controlar de forma sequencial a produção de determinado gênero industrial desde a matéria-prima até o produto acabado, sendo que as empresas podem ser de diversos ramos.

Trustes horizontais
Constituídos por empresas que trabalham com o mesmo ramo de produtos.

Publicado em Área de estudo, Economia