Active voice: entenda a voz ativa do inglês

As vozes verbais são muito usadas no dia-a-dia, textos formais e informais, além de conteúdo para exames e provas como o vestibular. Em inglês, entende-se o uso de duas vozes: a ativa (active voice) e a passiva (passive voice).

O que é active voice?

Bastante utilizada na comunicação não-formal, a voz ativa (active voice) na língua inglesa expressa ideias de maneira mais clara, concisa e objetiva. Ela é caracterizada principalmente pela atuação do sujeito na oração e sua principal estrutura é:

sujeito-agente + verbo + objeto.

Observe que organização sintática dos elementos não dizem respeito apenas a uma questão gramatical, mas de sentido. Consequentemente, a active voice é usada no momento em que o foco está no agente da ação na frase. Por exemplo:

Pedro is writing the text. – Pedro está escrevendo o texto.

Quem é Pedro?

Pedro é o sujeito-agente da oração, porque ele executa uma ação.

Qual é a ação executada?

A ação executada por Pedro é escrever.

O que ele está escrevendo?

O texto, portanto, é o objeto que recebe a ação.

Por outro lado, a voz passiva (passive voice) não possui uso cotidiano como ocorre com o active voice.

Diferença entre active e passive voice

Para focar no objeto que sofre a ação usamos a passive voice deixando o sujeito delado. Por ser considerada mais formal, é muito comum na escrita. Confira como o exemplo acima sofreu alterações quando colocado para a voz passiva:

The text is being written by Pedro. – O texto está sendo escrito por Pedro.

O texto acima mostra que o foco está na ação que o sujeito realiza, ou seja, o ato de escrever o texto.

Sair da versão mobile